Tools

You are here: Home » NOTÍCIAS » CAPIM GROSSO » IBGE cidades revela que em 2015 Capim Grosso registrava apenas 15.7% de ocupação no trabalho formal
Domingo, 25 Ago 2019

 

IBGE cidades revela que em 2015 Capim Grosso registrava apenas 15.7% de ocupação no trabalho formal


Capim Grosso, uma das cidades mais promissoras da região, com população estimada em 2017 de 31.392 pessoas, precisa através do Poder Público, com participação do comércio local desenvolver projetos e iniciativas que venham contribuir para diminuir o número de pessoas em busca de oportunidades no município, tendo como parâmetro as informações do IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatista.

Além do Trabalho e Rendimento, o IBGE apresenta estimativa na Educação, na Saúde, com “destaque” para a Taxa de Mortalidade infantil e Meio Ambiente, no tocante a Esgotamento Sanitário.

Confira os levantamentos realizados pelos recenseadores do IBGE:

Em 2015, o salário médio mensal era de 1.4 salários mínimos. A proporção de pessoas ocupadas em relação à população total era de 15.7%. Na comparação com os outros municípios do estado, ocupava as posições 367 de 417 e 35 de 417, respectivamente. Já na comparação com cidades do país todo, ficava na posição 5190 de 5570 e 2024 de 5570, respectivamente. Considerando domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, tinha 45.3% da população nessas condições, o que o colocava na posição 362 de 417 dentre as cidades do estado e na posição 2107 de 5570 dentre as cidades do Brasil.

Educação

Em 2015, os alunos dos anos inicias da rede pública da cidade tiveram nota média de 4.1 no IDEB. Para os alunos dos anos finais, essa nota foi de 3.3. Na comparação com cidades do mesmo estado, a nota dos alunos dos anos iniciais colocava esta cidade na posição 258 de 417. Considerando a nota dos alunos dos anos finais, a posição passava a 203 de 417. A taxa de escolarização (para pessoas de 6 a 14 anos) foi de 96.2 em 2010. Isso posicionava o município na posição 328 de 417 dentre as cidades do estado e na posição 4435 de 5570 dentre as cidades do Brasil.

Saúde

A taxa de mortalidade infantil média na cidade é de 15.52 para 1.000 nascidos vivos. As internações devido a diarreias são de 1.8 para cada 1.000 habitantes. Comparado com todos os municípios do estado, fica nas posições 222 de 417 e 168 de 417, respectivamente. Quando comparado a cidades do Brasil todo, essas posições são de 1945 de 5570 e 1659 de 5570, respectivamente.

Território e Ambiente

Apresenta 12.1% de domicílios com esgotamento sanitário adequado, 85.2% de domicílios urbanos em vias públicas com arborização e 0.6% de domicílios urbanos em vias públicas com urbanização adequada (presença de bueiro, calçada, pavimentação e meio-fio). Quando comparado com os outros municípios do estado, fica na posição 268 de 417, 68 de 417 e 331 de 417, respectivamente. Já quando comparado a outras cidades do Brasil, sua posição é 4214 de 5570, 1970 de 5570 e 4551 de 5570, respectivamente.

As informações foram passadas por Herbert Lucas, Coordenador do Censo Agro 2017, em várias cidades da região, com previsão de conclusão de todo o trabalho em março. “Até aqui o mínimo de pessoas recusaram os recenseadores, o que soma muito no resultado do trabalho, com o município de Capim Grosso devendo está no mesmo patamar de 2006, registrando 1.600 agricultores compondo a zona rural”, colocou Herbert Lucas.

Quanto a Quixabeira, São José do Jacuípe e Gavião, cidades que integram o município através da justiça eleitoral, os números ainda não estão organizados, mas Quixabeira aparece bem no cenário de informações até aqui com bons resultados de produção e de pessoas vivendo na zona rural, informou o Coordenador do IBGE. “O grande problema está na seca, tendo como exemplo a criação de gado, que indica alta redução por conta das constantes estiagens, tendo como resultado um grande número de gado morto”, colocou Herbert.

A divulgação é um dos fatores mais importantes para o bom andamento das atividades do Censo Agro. Com a redução do orçamento para este ano, não há verba prevista para publicidade. Dessa forma, o IBGE conta com o apoio de toda a sociedade nas etapas da divulgação.

Qualquer contribuição pode ser fundamental para o sucesso desta operação censitária, que depende de que a informação sobre a realização do Censo chegue aos estabelecimentos agropecuários e de que os recenseadores do IBGE sejam bem recebidos.

Mais informações clique no link e saiba tudo sobre o Censo Agro 2017.

https://censos.ibge.gov.br/agro/2017

Texto e fotos: Arnaldo Silva, DRT – 2805/BA.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

MATÉRIAS EM VÍDEOS REPORTERBAHIA.COM

Ministro nega cortes em universidades e diz que educação básica é prioridade O ministro da Educação, Abraham Weintraub, negou a existência de cortes em recursos das universidades, disse que o foco do governo Bolsonaro está nas creches e no ensino básico e entrou em embates com parlamentares da oposição. Ele foi convocado a falar no Plenário da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (15) para a explicar os contingenciamentos orçamentários nas universidades. A sessão coincidiu com protestos, ocorridos em todos os estados e no Distrito Federal, contrários à diminuição de verbas na educação. Weintraub explicou que o ministério está cumprindo determinações orçamentárias ao contingenciar os recursos. Afirmou ainda que o orçamento da pasta pode ser reforçado por eventuais montantes repatriados de desvios na Petrobras. “Estamos cumprindo a lei. O ministro da Economia, Paulo Guedes, que esteve aqui várias vezes, já explicou que somos obrigados pela Lei de Responsabilidade Fiscal a contingenciar toda vez que a receita não corresponde ao que foi orçado, no ano anterior, pelo Congresso Nacional”, declarou o ministro. Reportagem - Carol Siqueira e Eduardo Piovesan Edição - Marcelo Oliveira/Vídeo: Câmara dos Deputados. Política de Prevenção da Automutilação e Suicídio aguarda sanção presidencial A proposta (PL 1902/2019) que cria a Política Nacional de Prevenção da Automutilação e do Suicídio foi aprovada pelo Congresso Nacional em 3 de abril. Projeto prevê a notificação obrigatória por escolas, por exemplo, de todos os casos às autoridades sanitárias e aos conselhos tutelares. Se promulgada sem alterações, a proposta será colocada em prática pela União em cooperação com os estados, o Distrito Federal e os municípios. Veja mais na reportagem da TV Senado. Fonte: Agência Senado/Vídeo: TV Senado. Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência - Versão completa em Libras Libras é a sigla para a língua brasileira de sinais, composta de um extenso e complexo repertório de gestos. Em 2002, a Lei 10.436 deu à Libras o status de meio legal de comunicação e expressão. Desde então, escolas, faculdades, repartições do governo e empresas concessionárias de serviços públicos estão obrigadas a providenciar intérpretes para atender aos surdos. A lei faz aniversário em 24 de abril, Dia Nacional da Língua Brasileira de Sinais. Ricardo Westin, da Agência Senado Colaborou: Ana Luísa Araújo Publicado em 25/4/2019 TV Senado - Publicado em 20 de mar de 2019. Senado pode banir sacolas plásticas, canudos e microplástico Alguns estados já proibiram a oferta e uso de objetos plásticos, como sacolas e canudos, mas o Senado estuda aprovar uma lei federal impedindo a fabricação de materiais feitos à base de microplástico — muito usado também pelas indústrias de cosméticos e higiene pessoal. Esse é o conteúdo do PLS 263/2018, que teve origem em uma sugestão legislativa de um cidadão apresentada por meio do Portal e-Cidadania. TV Senado - Publicado em 30 de abril de 2019.

Matéria Especial RepórterBahia.Com

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais atualizou para 169 o número de mortes em decorrência do rompimento de uma barragem da mineradora Vale em Brumadinho. Mais cedo, a corporação informou que dois corpos foram retirados da lama de rejeitos nos últimos dois dias. Fragmentos de corpos também foram localizados pelas equipes nas últimas horas.

Fonte: Agência Brasil.

www.deolhonoradio.com.br (clique na foto)

Repórter Bahia, a notícia com responsabilidade!

Nessa nova fase vamos nos dedicar ainda mais e da melhor forma possível somar na sua vida com informações de todas as áreas da vida, mas pautada na ética, na verdade, no compromisso com Deus, com a vida e com as pessoas.

A todos que nos acompanham através do rádio e da internet mais uma vez o nosso muito obrigado pela amizade e confiança, obrigado por tudo e que nessa nova fase da nossa vida profissional possamos nos aproximar ainda mais e juntos construirmos um jornalismo forte, independente, um jornalismo pra fazer a diferença.

REPÓRTER BAHIA.COM, a nova marca do jornalismo da nossa Bahia, está no ar. Sejam todos bem vindos!

O que aconteceu com o Blog do Arnaldo Silva?

Gostaria de informar ainda que estamos através de Valter Oliveira que é o nosso grande parceiro administrativamente trabalhando para restaurar o blog que será utilizado nessa nova fase do nosso trabalho como link de acesso a nova marca do jornalismo da Bahia, REPÓRTERBAHIA, no ar desde essa quarta-feira, 21 de Dezembro de 2016.
Entendo que mudanças como essas vão precisar de tempo para alcançar o mesmo patamar de acessos e assiduidade dos nossos leitores, mas não estamos sozinhos, temos Deus nos comando e a parceria de muitos amigos e leitores conquistados nesses sete anos de blog, nesses sete anos de muito trabalho e dedicação ao jornalismo, a nossa grande paixão na comunicação.


http://www.seo.mavi1.org http://www.mavi1.org http://www.siyamiozkan.com.tr http://www.mavideniz1.org http://www.mavideniz.gen.tr http://www.17search17.com http://www.siyamiozkan.com http://www.vergi.gen.tr http://www.prsorgu.org http://www.seoisko.net http://www.seoisko.org http://www.ukashhizmet.com http://www.ukashmavi.com http://www.sirabulucu.net http://www.kanuntr.com http://www.kanuntr.org http://www.kanuntr.net http://www.kananlartr.com http://www.kananlartr.org http://www.kananlartr.net http://www.haberbul.org http://www.iskoseo.com http://www.iskoseo.net http://www.iskoseo.org http://www.siyamiozkan.net